Imóveis penhorados e vendidos em leilão dispararam em 2022

0
No ano passado, quase oito mil imóveis penhorados foram a leilão. Depois das restrições impostas pelo Governo durante a pandemia, as ações executivas voltaram agora a subir e as vendas deste ano podem mesmo vir a ultrapassar as do ano anterior.

Depois de dois anos quase sem vendas, disparou a compra de imóveis penhorados no portal E-leilões. Em 2022, quase oito mil foram negociados em leilão.

Até então, devido à pandemia, os investidores não arriscaram nestes negócios por receio da incerteza que afetava os mercados e a ação executiva acabou suspensa para proteger as famílias em risco de perder tudo devido à crise gerada pela covid-19.

Agora, olhando para os números do ano passado e também para os deste ano, constata-se que o volume de vendas está a subir e deve bater os oito mil imóveis de 2022, aponta o Diário de Notícias.

Os gestores do portal E-leilões querem que não só aqueles que tenham dinheiro na mão possam aproveitar o que resulta das penhoras por dívidas e o recurso ao crédito bancário para investir em leilão já está mesmo em estudo.

Desde que entrou em funcionamento, o portal E-leilões soma já quase 110 mil ativos colocados para licitação, sendo que a grande maioria são imóveis.

in Home Page Jurídica / SIC Noticias | 08-05-2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

thirteen − 6 =